Papelaria online: 4 dicas para usar a caneta nanquim no desenho

Papelaria online: 4 dicas para usar a caneta nanquim no desenho

Descubra como aproveitar as melhores alternativas para o seu desenho utilizando a caneta nanquim.

O universo dos desenhos apresenta uma série de soluções quando se trata de criar traços e acabamento, no entanto, uma das alternativas mais populares é a caneta nanquim, devido a sua praticidade, que serve bem aos desenhistas iniciantes e também os mais experientes, seja para um trabalho amador ou profissional.

Caso você tenha interesse em adicionar a caneta nanquim a sua rotina de desenhos, mas não sabe por onde começar, confira abaixo algumas dicas que podem te auxiliar:

Atenção a espessura da caneta nanquim

A caneta nanquim conta com pontas de espessuras distintas, que permitem criar traços mais finos ou mais grossos, dependendo da necessidade, em uma variação que vai de 0.03, 0.05, 0.1, 0.2, 0.4 até 0.8. Ou seja, é possível criar traços ultrafinos, comuns e também mais grossos.

Se a espessura for algo realmente relevante para o seu traço, se atente também às diferentes pontas da caneta nanquim, pois os modelos com ponta descartável tendem a abrir conforme forem utilizadas, enquanto as pontas de aço são mais resistentes e não se deformam tanto com o uso constante.

Escolha qual versão é conveniente

Também há uma variação referente a tinta utilizada na caneta nanquim, que pode ser normal ou aquarelável. Neste caso, essa variação deve ser utilizada conforme for mais pertinente ao seu trabalho, no entanto, também requer alguma atenção.

O pigmento aquarelável utilizado na caneta nanquim tende a ser mais sensível a umidade que outras soluções destinadas à pintura, por isso, pequenas variações, como o calor corporal, podem acabar borrando o desenho. Ou seja, o modelo aquarelável necessita de um cuidado maior para o uso, assim como mais experiência para o seu uso correto.

Utilize apenas o papel indicado

Outro cuidado pertinente a utilização da caneta nanquim diz respeito à superfície, ou seja, o papel correto. Essa atenção especial é importante, pois a tinta da caneta nanquim é mais fina e com um grande poder de pigmentação, e por isso, pode vazar de uma folha mais fina.

Logo, se você vai utilizar a caneta nanquim para os seus desenhos, tenha em mente que será necessário dispor de uma folha com uma gramatura maior, para evitar eventuais acidentes.

Inicie os treinos com o material correto

A princípio, não é necessário investir em todas as espessuras da caneta nanquim, por isso, além das folhas com uma gramatura maior, invista em um modelo com a ponta mais grossa, uma média e um modelo fino, além de um brush pen para fazer os acabamentos e variações pertinentes. Então, basta terminar as suas técnicas e se atentar à necessidade de espessuras distintas.

Agora que você conta com dicas relevantes sobre como utilizar a caneta nanquim no desenho, confira as ofertas disponíveis na Laranja Lima Presentes, uma referência quando se trata de papelaria online, por isso, conta com uma série de soluções pertinentes, como caneta de ponta fina, caneta hidrográfica, caderno fichário, presentes criativos e muito mais.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.