4 modelos de caneta que todo mundo deveria ter

4 modelos de caneta que todo mundo deveria ter

Confira as melhores opções de canetas para se ter em casa, no trabalho ou durante os estudos.

Uma forma de expressar sentimentos, criar memórias e aprender, é escrevendo. Esse processo continua fundamental em meio ao avanço tecnológico, e em muitas ocasiões é preciso ter um papel e caneta em mão, principalmente durante os anos escolares. 

Muito mais que uma caneta, é essencial que o utensílio se adeque a necessidade e torne a tarefa mais simples. Um bom exemplar de caneta consegue marcar permanentemente uma informação, deixar a letra mais bonita e as mãos confortáveis durante a escrita. Conheça os modelos mais usados e suas características:

Caneta esferográfica

O tipo mais comum de ver e usar é o esferográfica, que possui uma minúscula esfera na ponta e sua rotação faz a tinta se fixar no papel. Para quem não entende muito bem basta saber que é o modelo da BIC, a mais famosa entre as esferográficas e a preferida por sua qualidade e durabilidade.

A ponta pode ser a normal em espessura média, mas também mais grossa ou fina, tudo depende do quão legível e precisa é a escrita. A tinta do modelo de caneta é duradoura e resistente, inclusive não costuma dissolver em água. Todos os tipos de papéis combinam com a caneta esferográfica, mas ela é pouco indicada para a precisão.

Caneta hidrográfica

Popularmente conhecida como canetinha, a caneta hidrográfica se mostra cada dia mais usual e deixou de ser um acessório indicado apenas para escola. Sua tinta é fixada no papel por uma ponta maleável, que pode ter qualquer tamanho e formato, sendo a redonda e a chanfrada as mais usadas.

Para crianças e suas aulas de educação artística, desenhistas, profissionais de arquitetura, até para fazer anotações em planners e áreas pequenas, a caneta hidrográfica pode ser uma solução, só é preciso escolher a ponta. A Stabilo é uma das marcas que mais possui indicação e renome com sua canetinha de ponta fina.

Caneta de gel

Com uma pigmentação estabilizada por um gel, a caneta de gel faz sucesso pelas cores e até odores. Ela é muito utilizada por crianças e capaz de deixar os cadernos mais coloridos e tematizados. A secagem da tinta demora mais que os outros modelos, por isso precisa de atenção para não borrar, mas sem dúvidas é o tipo de caneta com maior diversidade de cores, sendo a branca a mais usada para marcar papéis escuros.

Caneta permanente

Para marcar qualquer tipo de superfície, desenhar e retocar artes, a caneta permanente é a opção ideal. Ela é muito semelhante à caneta hidrográfica, mas sua tinta tem maior durabilidade. Desde o uso para anotar em vidros, CDs e plásticos, até a pintura de paredes. 

A Posca é a fabricante mais conhecida, que fornece todos os tipos de pontas e tamanhos, além da gama de cores, mas nem todas as suas linhas de canetas são permanentes, as mais usadas precisam de uma camada de verniz para a fixação permanente.

O modelo de caneta que você precisa e todas as marcas citadas estão presentes na Laranja Lima, não deixe de conferir!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.